#Akira Ninomiya Jr.

Aos 33 anos de idade foi convidado para proferir duas palestras nos Estados Unidos em 2015 na Conferência de Nova Iorque para Resolução de Conflitos (ACR-GNY) e na Conferência Nacional Norte-Americana (ACR National), para apresentar o Método de Ressignificação, à época disseminada pela sua iniciativa social RePacificar, fundada em 2014.

Em 2016 recebeu o World Peace Tartan, símbolo global da paz que ilustra o desejo da humanidade de um futuro pacífico, harmonioso e não-violento.

Sua metodologia de ressignificação de crises e conflitos ganhou repercussão em vários países como África do Sul (Nelson Mandela Foundation), Japão (Houtoku), China (Criative China), Argentina (Ministério da Justiça), Estados Unidos (Harvard e Association for Conflict Resolution), e Escócia (Ministério de assuntos inter-religiosos).

A trajetória de grande reconhecimento é fruto da disseminação do Método de Ressignificação, que desafia padrões autolimitantes e propõe nova forma de se perceber e se conscientizar.

Além da sua empresa, a Ninomiya Corporation, fundou o RePacificar, hoje reconhecido internacionalmente e com livro lançado em Nova Iorque, em 2019, contando com a participação de grandes nomes da cultura da paz mundial, como Arun Gandhi, neto de Mahatma Gandhi, Verne Harris, amigo de Nelson Mandela, Mark Kleiman, pioneiro de mediação comunitária e escolar em Nova Iorque, entre diversos outros.

Graduado em Direito pela PUC-Goiás, com especialização em Mediação e Negociação pelo Programa de Negociação da Universidade de Harvard.